Carros analógicos

0
44

Vivemos no mundo do digital onde carros analógicos são um passado distante.

Nasci nos anos 70, cresci como adolescente nos anos 80 e no milénio tinha 30 anos.

A minha juventude e idade adulta foi quase toda passada a conviver com carros analógicos, em que a electrónica começava a dar os primeiros passos ainda de forma muito incipiente.

Tive carros já com alguma electrónica nos anos 90 um Opel Tigra e depois um Opel Vectra e ainda nos anos 90 um BMW 320d e um BMW Z3.

No entanto a nostalgia chama por mim.

Na realidade tenho um apelo estranho que me corre nas veias pelos carros analógicos o que me levou a adquirir um Mercedes 190 que quase tudo é analógico e por relais e vácuo.

E posteriormente foi me oferecido um Mazda Miata MX5 que cuja electrónica também é muito reduzida.

Mas penso que não me vou ficar por aqui.

Adoro os carros da Alfa Romeo dos anos 50, 60, 70 e até 80 que me apelam a olhar para eles. Uma paixão irracional e cara que apenas a razão me tem impedido de ir em frente.

Até um dia destes numa qualquer estrada deste país .

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here